Em um ano e meio, publicidade digital movimentou R$ 36,9 bilhões no Brasil

Um estudo digital, realizado pelo IAB Brasil, associação que representa o mercado de publicidade digital no País, em parceria com a Kantar IBOPE Media destacou o fortalecimento da publicidade no digital, que teve um investimento acumulado de R$ 36,9 bilhões, considerando o ano de 2020 (R$ 23,7 Bi) e os seis primeiros meses de 2021 (R$ 13,2 Bi).

 Intitulado Digital AdSpend, o estudo traz dados exclusivos do Digital  e revela que o período de pandemia da Covid-19 impactou no aumento da familiaridade dos consumidores com as tecnologias e uso das plataformas digitais. Também através da pesquisa pode-se ter uma visão estratégica dos investimentos em mídia digital no país, considerando visões setoriais e expectativas para os próximos meses, informou explica Melissa Vogel, CEO da Kantar IBOPE Media no Brasil.

 “O estudo tem como objetivo disponibilizar informações para que o setor tome as decisões de maneira estratégica, compreendendo as atividades publicitárias com os mesmos critérios em todos os pontos de contato utilizados pelo consumidor”, complementa.

Crescimento

O estudo revela que na análise comparativa de janeiro a junho de 2021 e o mesmo período de 2020, os investimentos em publicidade digital tiveram um crescimento de 25%. Para este ano, 79% das empresas pesquisadas pretendem aumentar seus investimentos, outros 16% pretendem manter e apenas 5% diminuir.

Em 2020 também se destacou o direcionamento dos anúncios em Digital, com 73% dos investimentos endereçados para dispositivos móveis, sendo as redes sociais responsáveis por 46% do total dos anúncios veiculados. Outro destaque foi o formato líder: os vídeos que representaram mais de 80% do total da verba investida na publicidade, em comparação aos demais formatos de anúncios (17%).

Já em relação aos 15 setores que mais investiram, o Digital Adspend revela que 94,4% da verba destinada às mídias digitais e os três anunciantes com maior participação na publicidade digital foram Serviços ao Consumidor (21,9%), Comércio (14,8%) e Financeiro e Securitário (12,2%).

Em 2021, o top 15 corresponde a 93% do investimento digital e alguns segmentos mudaram de posição no ranking por aumentar os investimentos, como Telecomunicações, Cultura, Imobiliário, Automotivo e Farmacêutico.


Com informações do IAB Brasil (Imagem: Reprodução)

Siga o Jornal do Sol no Instagram

LEIA TAMBÉM:

Curta-metragem Tazinho: O Homem e o Mar é produzido em Caraíva

 Colaboradoras do La Torre Resort recebem consultas gratuitas no Outubro Rosa

Santuário Spa Bahia realiza exames de mamas

Arraial d’Ajuda recebe Festival Esquina do Mundo em novembro

Decreto transfere para 1º de novembro feriado de servidores estaduais

 

Programaê Empreendedorismo tem inscrições abertas

Estão abertas as inscrições para Programaê Empreendedorismo, ação do Governo do Estado, através da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), em parceria com a startup Digital Innovation One (DIO).

O ProgramAÊ possui diversos cursos na área de programação, em diferentes níveis, linguagens e aplicações, construídos com foco em aprendizado e nas práticas do mercado de trabalho. No site há varias opções desde o nível iniciante ao avançado, além de uma aba específica para Empreendedorismo e Startups.

Para o nível iniciante, os cursos disponíveis são: Programação para internet com JavaScript; Introdução à programação com Python; HTML Web Developer; .NET; Conceitos e Melhores Práticas com Banco de Dados Postgresol; Modelando um Banco de dados com SQL server; MySQL Trabalhando com Tabelas; e MySQL Explorando Relacionamentos com Workbench.

O nível intermediário apresenta os cursos de JavaScript ES6 Essancial; Java Developer; e Impulso Fullstack Developer. Para o avançado há dois cursos: Segurança da Informação com Python e Desenvolvimento Avançado com JavaScript ES6.

Mais cursos

Já para Empreendedorismo e Startups são disponibilizados os cursos de Fundamentos de Intraempreendedorismo; Mentalidade Empreendedora; Estratégia para Captação de Investimentos; Modelagem de Negócios; Inovação Aberta Ecossistema de Inovação; Fundamento de Negócios Digitais Escaláveis; Criação de Soluções Inovadoras; Liderança de Negócios com Cultura Ágil; Estratégia de Negócios com Fundamentos para a Criação de Produtos Digitais.

São 30 mil vagas gratuitas em 10 diferentes cursos nas áreas de empreendedorismo e inovação e para se inscrever basta entrar no site da Secti


Com informações da Secretaria de Comunicação Social – Secom/BA (Fotos: Reprodução)

Siga o Jornal do Sol no Instagram

LEIA TAMBÉM:

Estado convoca professores aprovados em seleção Reda

Em três dias, Estado já agendou mais de 25 mil mamografias

Governo libera eventos com até 1.100 pessoas na Bahia

Governo do Estado amplia vigência e concessão do Programa Bolsa Presença

Governo presta contas de obras no Extremo Sul da Bahia

 

CVC sofre ataque hacker

No sábado, 02/10, o site da CVC Corp sofreu um ataque hacker. Mesmo dois dias depois do ataque, na tarde da segunda-feira, dia 4, site ainda continuava indisponível. Ao tentar o acesso, era exibido o erro "502 Bad Gateway", código relacionado a uma falha no servidor.

A CVC Corp é detentora das marcas CVC Viagens, Experimento Intercâmbio Cultural e da loja virtual Submarino, que também sofreu ataque. A empresa informou, por meio de nota, que ativou seus protocolos de segurança e que viagens marcadas e reservas não foram impactadas. A central de atendimento da CVC Corp está temporariamente indisponível.

De acordo com um hoteleiro ouvido pelo Jornal do Sol, o problema, entretanto, não diretamente na procura por reservas.

Gol

Outra empresa que levantou bandeira vermelha para o ataque cibernético foi a Gol Linhas Aéreas. A empresa informou que sua equipe de Segurança da Informação e TI também está em nível de alerta máximo devido a uma ameaça.

Como medida preventiva e para eliminar o risco de o vírus também atingir a operação da transportadora, no sábado, todos os e-mails enviados pela CVC para a Gol foram bloqueados até a total estabilização do ambiente da parceira.

Cibercrimes

Cada vez mais constantes e sofisticados, os cibercrimes tem causado grandes perdas às empresas. De acordo com um estudo conduzido pela consultoria alemã Roland Berger, apenas este ano, os prejuízos devem chegar a US$ 6 trilhões.

O Brasil tem sido um dos principais alvos globais e atualmente é o quinto que mais sofre ataquem no mundo. Segundo o estudo, no primeiro semestre, foram 9,1 milhões de ocorrências somente de ‘ransomware’, que restringem o acesso ao sistema infectado e cobram resgate em criptomoedas para que o acesso possa ser restabelecido.


 (Fotos: Reprodução) 

Siga o Jornal do Sol no Instagram

LEIA TAMBÉM:

Limite de transferência noturna via PIX passa a valer a partir de 04/10

Eleitor pode utilizar PIX para pagamento de multas ao TRE

Edital de investimento em empresas inovadoras prorroga inscrições

Governo prorroga decreto para eventos com até 1.100 pessoas

Baiano cria programa para diagnóstico de Covid-19 pela câmera do celular

Aplicativos auxiliam a editar vídeos curtos pelo celular

Com a correria do dia-a-dia e buscando engajar nas redes sociais, cada vez mais os aplicativos têm se desenvolvido para dinamizar o tempo das pessoas. Como é o caso do Quik, Adobe Premiere Clip, iMovie, YouCut e o Kwai. Este último é um app de criação e compartilhamento de vídeos curtos e tem ganhado cada vez mais adeptos no Brasil. Hoje ele reúne mais de 34,7 milhões de usuários mensais ativos.

Para criar engajamento e se destacar entre os conteúdos na plataforma, o Kwai oferece a edição de vídeo, com ferramentas acessíveis de corte, efeitos visuais e sonoros e até um modo de criação para fazer vídeos com fotos e música. O recurso é gratuito.

Dicas 

Para iniciar um vídeo é importante prestar atenção a pequenas dicas, mas importantes: limpar a lente do celular e não gravar na contraluz. Se quiser melhorar ainda mais os vídeos o aap oferece filtros de cor e o recurso “melhorar” para garantir um pequeno contraste à imagem.

 O Kwai ainda oferece outras ferramentas como texto, pause para transições, divisão em takes, narração, inserção de música e som (que podem ser adquiridos na Biblioteca do app).

Para aprender mais, basta acessar os vídeos da página do app aqui. O aplicativo também oferece uma forma de monetizar os vídeos e com isso garantir uma renda extra. 


Siga o Jornal do Sol no Instagram

LEIA TAMBÉM:

37º Festa do Dia das Crianças é realizada em Arraial d’Ajuda

Confira a atualização dos casos de Covid-19 na região

Setur-BA promove destinos baianos na Abav Fortaleza

CVC sofre ataque hacker

WhatsApp, Instagram e Facebook sofrem instabilidade

WhatsApp, Instagram e Facebook sofrem instabilidade

Na tarde deste 4 de outubro, as redes sociais WhatsApp, Instagram e Facebook sofreram instabilidade em todo o mundo. Internautas relataram dificuldade para acessar os três serviços, que pertencem ao Facebook. Além deles, o Telegram – um dos principais concorrentes do Whatsapp, também apresentou inoperância. 

No início da tarde, o Downdetector - plataforma online que fornece aos usuários informações em tempo real sobre o status de vários sites e serviços -  já registrava cerca de 40 mil queixas sobre o WhatsApp, 10 mil sobre o Instagram e 5 mil do Facebook.  

No entanto as reclamações se estenderam inclusive às telefonias e operadores de internet. No Brasil, o Downdetector registrou picos de reclamações para Claro, Vivo, TIM e Oi!

No Twitter – uma das únicas redes que continua em pleno funcionamento, o termo "WhatsApp" tornou-se o primeiro nos Trending Topics (os assuntos mais comentados do dia) no Brasile o Telegram, o segundo mais comentado.

Erro DNS

Quando o usuário tenta entrar no endereço de qualquer uma das 3 redes, aparece a mensagem "DNS_PROBE_FINISHED_NXDOMAIN". O DNS é a "agenda de contatos" da internet. Ele é responsável por registrar os endereços de IP associados aos "nomes de domínio" como “jornaldosol.com.br". Se acontece uma falha, o acesso à página fica indisponível pois não tem como exibir a informação desejada, ou seja, o ‘caminho’.

Na plataforma Web Whatsapp, alguns usuários relataram encontrar o erro 5XX Server Error. Isto significa que o problema está sendo causado por uma falha nos servidores do serviço. Grosso modo, o erro ocorre quando o servidor – ou seja, o computador central – não consegue completar a solicitação do usuário. No caso do WhatsApp, as mensagens pararam de ser enviadas, enquanto Facebook e Instagram interromperam a exibição de postagens e fotos.

Mas esta não é a primeira vez que ocorre instabilidade com as redes de Mark Zuckerberg. Em junho passado, os aplicativos pararam durante cerca de duas horas e meia, por uma falha causada por um ajuste de configuração.

Reação

Como não poderia ser diferente, a instabilidade rendeu reclamações, memes e reações no Twitter.

Até o momento não se sabe qual o motivo da instabilidade das redes.


Com informações do G1 (Fotos: Reprodução) 

Siga o Jornal do Sol no Instagram

LEIA TAMBÉM:

Limite de transferência noturna via PIX passa a valer a partir de 04/10

Eleitor pode utilizar PIX para pagamento de multas ao TRE

Edital de investimento em empresas inovadoras prorroga inscrições

UFSB registra infestação de ácaro de espécie invasora em açaizeiros da região

Governo prorroga decreto para eventos com até 1.100 pessoas

 

© 2021 Jornal do Sol - Informação com Credibilidade