Agricultores pedem regularização de terras em Imbiruçu de Dentro

Dia 18/04/21, um encontro entre agricultores da comunidade de Imbiruçu de Dentro e o prefeito Jânio Natal, de Porto Seguro, e o deputado federal Jonga Bacelar, discutiu uma questão fundiária que se arrasta há quase 40 anos: o fato de famílias assentadas ainda não terem recebido o título de posse de suas terras. O encontro foi na praça Central da Agrovila.

“Famílias que foram assentadas no local correm o risco de perder a terra, porque ainda não receberam o título de posse”, disse seu Nilton, presidente de uma das várias associações de agricultores da região que fica às margens da BR 367. Além de falar sobre o assunto, o prefeito anunciou a construção de um mercadão em frente à BR, “para que as famílias possam vender seus produtos”.

Em sua fala o Deputado Jonga Bacelar assegurou já ter conversado com o secretário especial de Assuntos Fundiários do Ministério da Agricultura, Luiz Antônio Nabhan Garcia para acelerar o processo de assentamento. O deputado informou que acredita, ainda este ano, poder voltar à comunidade e garantir o maior número de assentamentos possível.

O Deputado também reassegurou a defesa com outras obras de infraestrutura, a exemplo da duplicação da BR 367, ligando Porto Seguro a Cabrália, e anunciou um presente para a educação municipal. Segundo Jonga, através de emenda no orçamento da União, estão assegurados recursos para a construção de 10 escolas municipais e uma dessas, na Agrovila.

O encontro contou com a presença de secretários, representado pelo Secretário de Agricultura, Dr. Eriosvaldo Renovatto, vereadores, entre eles a presidente da Câmara Ariana Prates, do vice prefeito, Paulinho Toa Toa, e representantes de pelos menos 12 associações rurais.


Fonte: Secom PMPS

Matérias relacionadas

Decreto regulamenta reconhecimento de terras devolutas na Bahia

Parlamentares divergem sobre regulamentação de quarentena para enfrentar o coronavírus

OAB quer normativa que reconheça atos de agentes do Estado brasileiro contra vítimas da ditadura

Orçamento federal para 2020 tem R$ 530 milhões para questões fundiárias e desmatamento

Veracel atualiza plataforma digital Da Bahia para o Mundo

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar